26 de Agosto, 2022

Camila Marino da Saúde alerta para prevenção contra monkeypox

Bragança Paulista tem dois casos confirmados e sete em investigação

A vereadora Camila Marino da Saúde foi à tribuna da Câmara, durante a 30ª sessão, realizada nesta terça-feira (23/8), informar sobre os casos de monkeypox (varíola do macaco) em Bragança Paulista e alertar para ações de prevenção.

“Recebi uma atualização da Secretaria de Saúde poucas horas atrás. Em Bragança temos 16 casos notificados, sendo sete descartados, outros sete em investigação e dois confirmados. Os dois casos confirmados são de pessoas com histórico de viagem, que infelizmente se contaminaram”, iniciou.

Camila explicou que a monkeypox é uma zoonose, ou seja, uma doença de origem animal transmitida para humanos. “Trata-se de um vírus infectocontagioso. Fico muito triste ultimamente em ver circulando nas mídias que é uma DST (Doença Sexualmente Transmissível), uma doença transmitida por relações sexuais, pela classe e a nação a qual defendo, que eu amo atuar ao lado. É uma doença sim de contato próximo, transmitida por gotículas de suor, por objetos contaminantes, talheres, lençol, uso de vasos sanitários sem desinfecção. Até nesses momentos tristes, de mais um vírus que vem aí para nos tirar a paz, as pessoas usam disso para querer denegrir a orientação sexual de cada um. Gostaria de esclarecer que essa doença não é uma DST, não é transmitida sexualmente. Até mesmo crianças já contraíram esse vírus. Esse é um vírus infectocontagioso. É uma doença de contato por gotículas de saliva, repito, por objetos contaminantes”, destacou.

Os primeiros sintomas da doença são febre, calafrios, ínguas e vermelhidões na pele, que vão se transformar posteriormente nas feridas. “O período de isolamento geralmente é de duas a quatro semanas, porque o vírus fica incubado de 5 a 21 dias. É muito importante o isolamento social para o contingenciamento dessa doença”, esclareceu. A vereadora pediu apoio dos colegas vereadores para propagar as informações sobre o tema.

Na sequência, Camila solicitou à presidente que seja enviado requerimento de agradecimento aos envolvidos no evento Saúde e Cannabis, realizado pela Escola do Parlamento. “Não pude estar presente, senti muito por isso. É um assunto de muita relevância, de muita importância para saúde pública, acredito que irá trazer muitos benefícios, principalmente par as pessoas de maior vulnerabilidade. Gostaria de colocar meu mandado a disposição da Abracuca (Associação Brasileira de Apoio à Cura pela Cannabis). É um trabalho de muita seriedade e responsabilidade”, disse.

Por fim, Camila mencionou recentes ações da Administração, com a inauguração do Jardim Público e a praça do loteamento Vem Viver. “Gostaria de parabenizar a Administração por todos os feitos, atos concretos entregues a população com a inauguração do Jardim Público, ontem a praça do Limoeiro. Por essas ações mostramos o quanto essa Administração é atuante, trazendo mais benefícios para população”, concluiu.

Veja a sessão e a fala da vereadora na íntegra em

https://youtu.be/7DTDN7Qr3Ts

a gente guarda estatísticas de visitas para melhorar sua experiência de navegação, saiba mais em nossa política de privacidade.

Entendi!